Rocha exonera filho de Márcio Bittar; controlador geral do estado também deixa o governo

O estudante João Paulo Bitrtar, filho do senador Márcio Bittar (MDB) foi exonerado nesta quarta-feira. O vice-governador Major Rocha assina o decreto de exoneração. O controlador geral do estado, Rui Oscar Abrantes Guedes, também deixa o governo. No decreto consta que Rui e João Paulo pediram para deixar o cargo.

Rui tinha a função assessorar diretamente o Governador no desempenho de suas atribuições, quanto aos assuntos e providências atinentes, no âmbito do Poder Executivo, à defesa do patrimônio público, ao controle interno, à auditoria pública, à prevenção e combate à corrupção e ao incremento da transparência da gestão no âmbito da Administração Pública Estadual.

João Paulo Bittar havia sido exonerado do cargo que ocupou inicialmente no governo, o de assessor de políticas para a juventude. Mas foi reconduzido numa decisão mal esclarecida, desta vez para compor o quadro da Secretaria de Políticas para as Mulheres. Ele ganhava R$ 15 mil mensais e, segundo denúncias, ele não comparecia ao trabalho com a frequência dos demais funcionários. Em defesa doi filho do senadoir, um gerente informou na época  que !um cargo comissionado não tem obrigações de um efetivo.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui