Residente sai antes do horário e paciente fica na bronca

Um residente em Oftalmologia foi “designado” a atender pacientes no Huerb, nesta quinta-feira. Mas saiu do hospital antes de cumprir seu horário. Quem estava em sobreaviso era um especialista, de acordo com a escala normal.

O caso vem à tona após o farmacêutico Samir Lima buscar socorro no Huerb. O rapaz permaneceu mais de 18 horas com um objeto estranho na vista esquerda. “Me disseram que o oftalmologista estaria a caminho, e que o residente tinha ido embora. Me mandaram pra UPA e lá me mandaram de volta para o Pronto-Socorro. Não consegui dormir com dores e a vista embaçada”, declarou.

Na manhã desta sexta-feira, por volta de 9 goras, horário em que o oftalmologista deveria chegar, Samir já estava à espera. O paciente foi atendido mais de 24 horas após a primeira procura por socorro. Ele se disse aliviado, porém indignado em razão de ter passado a noite em claro, com dores.

O diretor do PS, Fabrício Lemos, disse que pode ter havido mal entendido ou comunicação falha. “Esta especialidade não é problemática para nós. Temos dois excelentes médicos da área. os residentes já não precisam estar acompanhados do oftalmo para prescrever, pois estão na etapa final de seus cursos. Pedimos desculpas ao paciente e iremos checar  A reportagem quis saber se é uma prática rotineira o acesso de residentes no lugar de médicos escalados para o sobreaviso.