Progressistas ganham cinco prefeitos e quinze novos vereadores podem chegar ao partido

Por Jorge Natal

No ato de filiação ocorrido na manhã de hoje (11), os prefeitos Ederaldo Caetano (Acrelândia), Romualdo Araújo (Bujari), Tião Flores (Epitaciolândia), Assis Moura (Santa Rosa do Purus) e Bené Damasceno (Porto Acre) assinaram ficha de filiação no Progressista. O ato ocorreu na sede do partido e contou com a presença do governador Gladason Cameli, da senadora Mailsa Gomes, de parlamentares e centenas de filiados.
De acordo com o secretário-geral da legenda, Lívio Veras, o partido, que tem cerca de 10 mil filiados, pode botar na sua conta pelo menos mais 15 novos vereadores no interior. “É natural que a base parlamentar acompanhe o prefeito”, disse o dirigente, para quem o Progressista é o maior partido do Acre. Cerca de 100 pessoas ingressaram na sigla hoje.
Questionada sobre a possibilidade de o partido lançar um candidato a prefeito competitivo, a presidente, senadora Mailza Gomes, afirmou que sim, mas disse que ainda não era a hora de aprofundar o assunto. “Somos o maior partido e é natural que tenhamos candidatos a prefeitos em todos os 22 municípios”, afirmou ela, que foi acompanha pela fala do deputado estadual José Bestene. “O Progressista terá candidato a prefeito de Rio Branco”.