Ouça o salve que gerou pânico em Rio Branco, no início de agosto. Autor está preso

Dois áudios considerados autênticos, gravados por um rapaz preso nesta quinta-feira, deram origem ao último ataque criminoso contra ônibus e prédios públicos no início deste mês, segundo a polícia. Bruno de Oliveira e Silva, o “CDC”, autor da gravação, foi preso nesta quinta-feira no Bairro Cidade Nova. Ele orienta preservar escolas e postos de saúde, mas lamenta que os transportes coletivos devessem ser atacados, apesar de ser o único meio para “as nossas irmãs irem visitar os parceiros no presídio”. Houve muito tiroteio, três homicídios e seis ônibus incendiados entre 5 e 6 de agosto. Os empresários do setor suspenderam provisoriamente todas as viagens de ônibus para todos os bairros da capital. Ouça