Nicolau Júnior, grata revelação como conciliador e articulador político, comemora ano produtivo na Aleac

Conduzir o parlamento acreano depois de um ciclo de 20 anos de governos do PT parecia algo desafiador para quem viesse assumir a presidência da Assembléia Legislativa do Estado do Acre, missão cumprida com maestria, amplitude e democracia pelo jovem deputado estadual Nicolau Júnior (Progressista).

Liderando parlamentares dos mais diversos partidos e segmentos do campo político local, o primeiro passo adotado por Nicolau foi ganhar a confiança e o respeito de seus pares, atributos fundamentais para garantir a boa condução na casa.

“Houve momentos críticos. Mas vejo isso om naturalidade. A construção do consenso exigiu paciência e, acima de tudo, respeito às opiniões divergentes. A oposição demonstrou capacidade de rever seus conceitos pelo bem coletivo. Assim, conseguimos fechar um ano bom, que também deu suporte á governabilidade”, declarou o presidente da Aleac.  “Ninguém poderá dizer que não fomos democráticos e transparentes”, finalizou.

Um ano de novo governo, com muitas pautas polêmicas e reflexos nas mais camadas sociais dos acreanos, a tribuna do parlamento foi o destaque de 2019. O governo contava com uma base inicialmente frágil, que apesar de maioria absoluta patinou em alguns momentos na tentativa de consolidação da força do palácio dentro das votações.

Ao destacar as pautas deste ano de 2019, podemos colocar as Reformas Administrativas feitas no início do ano e da Previdência do servidor estadual como as mais importantes e desafiadora de se materializar, pois requereu muito empenho e debates entre envolvidos.
Foi um ano para dizer que a sociedade respirou representatividade entre os poderes e agremiações de servidores e sociedade civil. Fez valer o nome de ‘Casa do Povo’.

Nos momentos de turbulência política, o presidente Nicolau Júnior se dividiu entre os dois pontos divergentes e ajudou na conciliação dos conflitos, ou de um caminho menos traumático, mas garantindo sempre a constitucionalidade das conquistas de trabalhadores, da sociedade como um todo.

O que esteve ao alcance da ALEAC para melhorar a vida dos acreanos foi feito em 2019, com isso o governador Gladson Cameli teve mais tranqüilidade para enfrentar os desafios postos em sua gestão.

Com o recesso parlamentar, os deputados podem descer para suas bases e dialogar acerca de um 2020 ainda mais produtivo. O retorno das sessões ordinárias acontece no dia 1º de fevereiro, certamente com muitas discussões e bons debates na casa do povo.