Mâncio Lima: facção solta fogos para comemorar roubo ao almoxarifado da prefeitura

O céu da pequena cidade de Mâncio Lima, localizada a cerca de 700 quilômetros de Rio Branco, foi iluminado na noite desta terça-feira (10) por um demorado foguetório. O show é atribuído a membros de uma facção criminosa que comemorava o sucesso de um roubo realizado pelo bando ao almoxarifado da prefeitura local.

Os fogos acordaram a população e deixou muita gente encantada com a luminosidade que coloriu a noite escura.Muita gente chegou a pensar que se tratava da comemoração de aniversário de algum morador ilustre da cidade.

Mas logo a polícia recebeu um telefonema anônimo dando conta de que se tratava do festejo de um bando criminoso que havia roubado, na noite anterior, vários eletroeletrônicos do almoxarifado da prefeitura local.

Foi só seguir o rastro da luminosidade dos fogos para o delegado José Obtaneo chegar ao local onde os ladrões estavam reunidos, comemorando o sucesso do roubo.

” No endereço se encontravam 9 pessoas, as mesmas que apareciam nas imagens de um circuito de vigilância eletrônica, saindo do almoxarifado da prefeitura com os objetos roubados,”, disse o delegado.

Todas as pessoas presentes na casa onde ocorria a queima de fogos, entre elas mulheres e adolescentes, foram levados para a delegacia e confirmaram participação no furto.

No local a polícia encontrou parte do carregamento de tablet e outros eletro eletrônicos roubados da prefeitura.

O valor da mercadoria e a quantidade exata não chegou a ser divulgado pelo poder publico municipal e nem pela polícia local.

O bando, pertencente à facção criminosa Bonde dos 13, já se encontra no presidio da cidade de Cruzeiro do Sul.