Colegas em guerra: eleição do sindicato dos jornalistas é suspensa e disputa vai parar na justiça

O presidente do Sindicato dos Jornalistas profissionais do Estado do Acre, SINJAC, Victor Augusto, publicou, no último final de semana, o comunicado de suspensão da eleição para escolha da nova diretoria. A votação estava prevista para esta segunda (2).

No mesmo comunicado, são convocados os jornalistas filiados ao sindicato para uma assembléia geral da categoria para discutirem pedido de impugnação de registro de chapas de candidaturas e definirem data para outra eleição.

A atual diretoria argumenta que foram identificadas irregularidades em ambas as chapas concorrentes e o prazo para o dia da votação já estava muito próximo, não havendo tempo para a substituição dos nomes impedidos de serem votados.

Por outro lado, uma das chapas já entrou com ação no ministério público do trabalho acusando a comissão eleitoral de falsificação de documentos.

“Ele não tem autoridade para assinar nenhum documento intervindo no pleito. Só a comissão eleitoral é quem pode fazer isso. A comissão eleitoral e a atual presidência vem cometendo uma irregularidade atrás da outra.” Alerta um membro de uma das chapas.

A assembléia geral para discutir a situação do processo eleitoral do SINJAC ( e a nova data da votação) está marcada para a próxima sexta-feira.