Confirmados três casos “importados” de Coronavírus no Acre. Governador e prefeita decretam estado de emergência

O governador Gladson Cameli e demais autoridades ligadas à saúde pública estão reunidos no palácio Rio Branco para definir ações emergenciais de combate e controle ao Coronavírus. O governo confirmou três casos positivos de pacientes que estão isolados no Huerb, em Rio Branco. O resultado da contra prova é aguardado para as próximas horas.  São dois homens entre 30 anos egresso de São Paulo e duas mulheres de 50 anos que vieram de Fortaleza (CE). O quinto andar do novo PS está sendo preparado com UTI´s.

“Nós não vamos mais perder tempo. Não precisamos esperar a contra prova. A determinação é dar assistência às famílias. Peço que a população procure a rede pública de saúde se houve necessidade. É uma situação grave”, disse Gladson. O governador decretará emergência ainda nesta terça-feira, em assinatura conjunta com a prefeita da capital.

“Nós consideramos que é preciso passar da fase de prevenção para a fase de contenção”, disse a prefeita. Os três casos positivos são de pessoas que vieram de fora. Não há caso de transmissão comunitária. Porém, a partir da orientação do governo do estado e representantes das escolas públicas e privadas, para suspender também as aulas, da creche ao ensino superior, por 15 dias”, afirmou a prefeita.

O ano letivo no Estado também está suspenso. Onde houver aglomeração de pessoas deve ficar fechado, em todos os municípios. Cameli também cancelou suas agendas públicas. O Tribunal de Justiça também suspendeu viagens dos magistrados.