Professora com 2 contratos não dá aula, é comissionada, radialista e usa carro oficial

REDAÇÃO
Marinete e a companheira, ao volante do veículo oficial) deixam a rádio

Marinete Mesquita de Castro é lotada na Prefeitura de Brasiléia como professora. Também é professora em Epitaciolândia, cidade vizinha. Os portais de transparência das duas prefeituras dizem que a mulher, em dedicação exclusiva, também têm lotação como servidora de apoio nas respectivas secretarias municipal de educação.

Ela deveria estar dando aula na Escola M. E. F. Bela Flor, em Brasiléia. No entanto, Marinete exerce, ainda, de forma irregular, o cargo de coordenadora do Centro de Atenção Psicossocial (Caps) no município. A lei proíbe servidor efetivo de acumular função remunerada, exceto quando houver compatibilidade de horário. Pior quando se trata de “educadora” com dois contratos em duas cidades distintas.

Portal Transparência de Epitaciolândia

E tempo é um problema para a servidora, que ainda é âncora num programa de rádio local, apresentando o Programa “A Hora de Brasiléia”, no ar diariamente sempre a partir das 14 horas. Em suas falas, Marinete diz que Fernanda Hassen é a melhor prefeita do Brasil. O programa é pago com dinheiro público. 

Internautas flagraram Marinete deixando a estação de rádio FM de Brasiléia usando carro oficial do CAPs. A companheira dela, que não é funcionária pública, dirige o veículo novo, recém comprado para servir apenas aos interesses públicos. 

 

Mais Notícias
Carregue mais
%d blogueiros gostam disto: