Operação Verão começa dia 22 em 227 bairros e 1500 ruas da capital

REDAÇÃO

A prefeita Socorro Neri (Rio Branco) autorizou o início da Operação Verão 2019 com vigência entre 22 de abril e 31 de outubro. Ao todo serão beneficiadas 1.500 ruas de 227 bairros e loteamentos, com um volume de 60 toneladas de massa asfáltica empregadas. As ações de infraestrutura envolverão 33 equipes com 300 trabalhadores.

O planejamento, apresentado em sessão especial da Câmara de Vereadores, nesta terça-feira, terá capacidade três vezes maior que a operação do ano passado. E atende a uma cadência integrada e sequencial, no sentido Centro Bairro. Os cidadãos perceberão, inicialmente, o trabalho de zeladoria com desobstrução de bueiros e esgotos e poda de árvores. Em seguida, o recapeamento asfáltico e, por último, a sinalização dos trechos. 

“A prioridade 1 são os corredores de ônibus. Depois, as vias de ligação, dentro dos bairros, e as vias secundárias de interesse coletivo. De modo que as ações serão atualizadas diariamente, podendo ser acompanhadas pelo cidadão através do portal da prefeitura”, explicou Janete Santos, secretária de planejamento. 

A prefeitura prevê recuperar 100 quilômetros de ramais por onde passam os transportes escolar, coletivo e que formam o chamado cinturão verde. A intenção é dar condições para o escoamento de produtos que devem chegar aos mercados da capital. Esse serviço terá a parceria do Governo do Estado, que assumirá a responsabilidade de recuperar rodovias, parques e outros ambientes sob a sua jurisdição. 

O planejamento apresentado nesta terça contempla melhorias em 33 canteiros, rotatórias e retornos da cidade e 39 linhas de ônibus. Há previsão de coletar 70 caminhões de lixo ao dia, a serem encaminhados ao aterro sanitário. Para esse ano, serão criados 500 novos pontos de iluminação pública e ofertada educação ambiental para 25 mil pessoas.

“É, na verdade, a continuidade de um trabalho que começou lá atrás, ainda que timidamente.Bom lembrar que as ações de infra estrutura apenas são reduzidas por causa da rigidez do inverno. No inverno, é impossível intensificar serviços na cidade……”, declarou a secretária. 

Mais Notícias
Carregue mais
%d blogueiros gostam disto: