No Dia da Mulher, ex-deputado e âncora da TV Gazeta chama ativista político de “filho de uma égua”, ao vivo.

Avatar

O radialista Edvaldo Souza, âncora do Programa Gazeta Alerta, da afiliada da TV Record, chamou o ativista político e assistente social Carlos Gomes de “quadrupede, equino filho de uma égua”. Extremamente alterado, se rebaixando ao nível mais repugnante que um manual de estilo e redação poderia tolerar, o ex-deputado abriu o programa lembrando ser, hoje, Dia Internacional da Mulher. No entanto, tomado por uma insanidade flagrante e postura reprovável, rebaixou a idosa, mãe de seu desafeto, a fêmea de potros e capões. Ele pediu para apanhar muito nas redes sociais por internautas que manifestaram, de imediato, solidariedade ao Carlos, ex-candidato a prefeito de Rio Branco pela Rede Sustentabilidade.

Edvaldo não gostou de ter sido citado, na rede social, como jornalista que canta de galo em seu programa, mas quando era deputada parecia um gatinho, miando. Aliás,é consenso entre grande maioria dos usuários da Web que Souza fez mandato pífio, ao escolher votar com o governo, numa aliança incestuosa.

Veja a transcrição do discurso entonado com uma autoridade questionável do âncora que se acha acima da lei e de todos por apresentar um noticiário que faz apologia ao crime e aos conflitos entre familiares. E, mais abaixo, o vídeo em que o apresentador perde por completo a compostura.

“Presta atenção, imbecil. Você pra chegar onde eu chegar onde eu cheguei, sem enganar o próximo, sem passar por cima das pessoas, com dignidade, falando as coisas do fundo do coração, você precisa ser macho pra dizer o que pensa, seu puxa saco do caceta. Vale cara a cara. Cada imbecil usa a ferradura que lhe cabe. Não é o meu caso. Eu tô longe de política, muito embora se quisesse voltar eu faria um estrago do caceta.Imbecil, vai pra ponte que caiu, filho de uma égua”.

“Ser honrado hoje é artigo de luxo e esse luxo eu disponho”, reagiu Carlos Gomes. “Edvaldo ao tentar me criticar, chama minha mãe de égua, isso não fala sobre mim ou minha mãe, fala sobre ele mesmo. Não vou atacar a honra da mãe dele, ela não merece. Mulher nenhuma merece. Sou apenas um menino (que incomoda e) que causa tanta raiva num galo que mia. Sigo tranquilo e sereno, com a maturidade de um jovem que fala pouco, mas diz o necessário”, finalizou.

“Trancado no estúdio da TV, ele solta a voz ! Na Assembleia, não fez nada!
Alguém sabe de algum projeto…emenda…coisas desse tipo, que ele tenha apresentado em prol do povo acreano? Se candidata de novo, Edivaldo! Quero ver tu brabo, é lá!.”, comentou a internauta Rosilda Cunda.

“Olha Carlos eu sempre achei duvidosa a procedência desses jornais televisivos como Gazeta Alerta, Balanço Geral e afins, esses mesmos me remetem ao que vemos no filme Tropa de Elite 2, onde esse tipo de mídia é constantemente utilizado para direcionar revoltas e opiniões a onde convém, além de constantemente generalizar uma baita imaturidade sobre questões que envolvem complexidade e exigem o mínimo de postura para um posicionamento. Parabenizo a sua crítica e ainda digo que a própria existência desse homem é mera politicagem nesse maquinário velho que temos no estado e país a fora”, comentou Érick Fernandes.

 

Mais Notícias
Carregue mais
%d blogueiros gostam disto: